Elaine Cruz

Elaine Cruz é psicóloga clínica e escolar, com especialização em Terapia Familiar, Dificuldades de Aprendizagem e Psicomotricidade. É mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense, professora universitária e possui vários trabalhos publicados e apresentados em congressos no Brasil e no exterior. Atua como terapeuta há mais de trinta anos e é conferencista internacional. É mestre em Teologia pelo Bethel Bible College (EUA) e membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil. Como escritora recebeu o 'Prêmio ABEC de Melhor Autora Nacional' e é autora dos livros “Sócios, Amigos e Amados”, “Amor e Disciplina para criar filhos felizes” e o mais recente, "Equilíbrio Emocional", todos títulos da CPAD.

Pobreza Moral

Nossa capacidade de vasculhar as diversas regiões do mundo através das mídias sociais é impressionante.  Podemos observar o que acontece em regiões longínquas, ver as cores da aurora boreal e assistir um discurso presidencial ao vivo. Somos capazes de partilhar fotos, textos, livros inteiros, e muitas receitas deliciosas. 

Por conseguinte, também temos acesso a informações que nos chocam, pois retratam realidades diferentes da nossa, muitas das quais nem mesmo pensaríamos existir. Há um enorme número de pessoas perdendo suas histórias de vida, suas casas e familiares, como consequência de guerras civis, muitas delas envolvendo narcotráfico ou jogo de poder entre ditadores políticos. É inumerável o contigente de refugiados acampados, no meio do nada, esperando ajuda humanitária que não chega. É grande o número de meninas que são estupradas por terroristas diariamente em troca de comida e abrigo, e é enorme a gama de pessoas morrendo de desnutrição em diversos países. 

A pobreza financeira dói, fere a dignidade e a consciência, nos fazendo lembrar como estamos administrando mal os recursos, onde tantos morrem de fome, enquanto outros jogam fora toneladas de comida diariamente. É uma guerra insana, um desafio para nações ricas ou pobres, E por mais que façamos, ainda há muito o que fazer!

Contudo, o mais triste é observar a principal causa de todas estas questões listadas acima: a pobreza ética e moral que nos assola, que envolve desde ações políticas a escolhas individuais. Para a pobreza ética, a sociedade não importa, o outro não é importante, e as relações humanas são instrumentos de negociação e poder. 

Desde que nascemos, somos permeados por outras pessoas, somos formados e concebidos por outros. Somos dependentes do outro para nos cuidar e tratar, além de nos adjetivar e nos conceituar. Infelizmente, muitos se esquecem de quão dependentes já foram, maltratando famílias e parentelas que os amaram. Fazem bullying com colegas da escola e do trabalho, descartam afetos, e até mesmo desconsideram o amor de Deus.

Há os que são pobres de amor, que decidem não amar os que os amam. Os que são pobres de gratidão, devolvendo afrontas e desamor a familiares que os cuidaram. 

Muitos são os pobres de honra, de ética, de vergonha, de valores. Roubam do bem público, investem pesado para destruir casamentos alheios, usam seus corpos como objeto de sedução para imoralidades, e destroem conceitos e valores familiares e bíblicos dentro de instituições de ensino. 

Nossa sociedade precisa voltar aos princípios morais e éticos, e para tanto precisa voltar à Bíblia, e a tudo o que ela representa: o esteio moral e ético da humanidade. Carecemos revisitar e adotar princípios bíblicos como amar ao próximo, estender a mão ao necessitado, tratar o outro como superior a nós, andar uma segunda milha, engolir a afronta, dar a outra face, não deixar o sol se por sobre a ira, calar mais e falar menos, não julgar ou apontar o erro alheio, perdoar, respeitar a propriedade privada, fazer justiça ao injustiçado. 

Só a riqueza dos ensinamentos bíblicos, internalizados no homem regenerado por Jesus, podem combater a pobreza moral e ética dos nossos tempos. Assim sendo, falemos de Jesus, sejamos exemplos de atos justos, e vivamos o que pregamos!

elaine

 

Elaine Cruz 

*A CPAD não se responsabiliza pelas opiniões, ideias e conceitos emitidos nos textos publicados nesta seção, por serem de inteira responsabilidade de sua(s) autora(s).

A opção de amadurecer

Escrito por Elaine Cruz
A opção de amadurecer

Quando pensamos sobre o desenvolvimento humano, percebemos que Deus trabalha com uma preci...

A Primavera

Escrito por Elaine Cruz
A Primavera

Eu e meu marido caminhamos todos os dias. Na verdade ele é super disciplinado e corre diar...

Pequenas Esperanças

Escrito por CPAD Web
Pequenas Esperanças

Aprendi a história da arca de Noé ainda na minha primeira infância. Desde pequena imagino...

Lembranças da infância

Escrito por Elaine Cruz
Lembranças da infância

O dia das crianças, comemorado no dia 12 de Outubro, sempre foi controverso pra mim. Como...

Outubro Rosa

Escrito por Elaine Cruz
Outubro Rosa

Outubro Rosa é um movimento que teve início no ano de 1990 em um evento chamado "Corrida p...

A Verdade Incomoda

Escrito por Elaine Cruz
A Verdade Incomoda

A Bíblia trabalha com verdades absolutas sobre Deus, salvação, pecado, e vida social, prof...

Saudades

Escrito por Elaine Cruz
Saudades

A palavra saudade em português, segundo a história, surgiu no período dos descobrimentos....

 

 

SOBRE


Com o objetivo de ajudar as mulheres cristãs da atualidade, a CPAD prepara um presente especial para elas: o site de conteúdos Mulher Cristã. O novo espaço feminino vem repleto de conteúdos inéditos, sempre com temas voltados para as mulheres cristãs de nossos dias.

©2020 CPAD: Av Brasil 34.401 - Bangu - Rio de Janeiro - CEP: 21852-002 - Brasil - CNPJ 33.608.332/0001-02. Designed by CPAD.