Judite Maria da Silva Alves

Professora e terapeuta familiar; casada com o Pr.Ailton José Alves (presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco); mãe de três filhos (casados), e avó de quatro netos. Apresenta diariamente, há mais de dez anos, o programa “A mulher e seus desafios” pela Rede Brasil de Comunicação. Lidera o trabalho de Círculo de Oração em todo o estado de Pernambuco e coordena as atividades sociais da IEADPE, que mantém oito Centros de Desenvolvimento Integral Vida em várias comunidades carentes na Região Metropolitana do Recife, onde são atendidas mais de 4 mil crianças.

A Beleza da Mulher Virtuosa

“Enganosa é graça e passageira a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada” (Provérbios 31.30).
Quando abrimos revistas voltadas ao público feminino, vemos dicas, sugestões e truques para que as mulheres se apresentem lindas e atrativas, especialmente nesta era da imagem. Na busca por um padrão inatingível de perfeição, muitas mulheres vivem numa verdadeira ditadura da beleza, fazendo sacrifícios que comprometem até mesmo sua saúde.

Outras, por não atingirem o ideal almejado, sucumbem em transtornos como a ansiedade, anorexia, depressão, entre outros.

Diante desse quadro, o que Deus espera de nós, mulheres cristãs? Qual o padrão de beleza de Deus para nossas vidas? Acho lindo quando Deus fala através do profeta Isaías, dizendo: “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos, mais altos do que os vossos caminhos e os meus pensamentos mais altos que os vossos pensamentos” (Is 55.8-9). 

Enquanto a exigência estética do mundo para ser feliz é alcançar um padrão de beleza inatingível, o de Deus é: o padrão de beleza e graça do mundo, meramente exteriores, são vãs, não servem. “Enganosa é a graça e passageira a formosura” (Pv 31.30).

Devemos ter sempre em mente que a beleza exterior é como um invólucro que, mais cedo ou mais tarde, desvanece.

Enquanto a ditadura da beleza dá ênfase apenas ao nosso exterior (que é chamado de “templo de Deus” nas Escrituras, e precisa ser devidamente cuidado), o espiritual dá ênfase ao espiritual, ao incorruptível, ao que é eterno. 

Porém, só poderemos alcançar tamanha graça se nos tornarmos mulheres segundo o coração de Deus. E o que significa ser mulher segundo o coração de Deus? É dizer para Ele o que disse Maria: “Eis aqui a serva do Senhor, cumpra-se em mim, segundo a tua palavra” (Lc 1.38). Você tem essa disponibilidade para Deus? Maria ficou disponível para Deus, e foi depositária do Verbo divino. Sua beleza que não perece era tão grande, que ao visitar sua prima Isabel, a qual estava grávida, através do abraço da mulher temerosa e disponível para Deus, a criancinha que estava no ventre de Isabel, João Batista, foi cheio do Espírito.

A beleza espiritual não se adquire em qualquer lugar, pois deve ser buscada de todo o coração. O salmista Davi disse: “Uma coisa pedi ao Senhor e a buscarei, que possa está na casa do Senhor, todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor e aprender no seu templo” (Sl 27.4). O tempo que gastamos na presença do Senhor é responsável pela nossa beleza espiritual, disse Elizabeth George.

Como mulheres de Deus, não pecamos por nos arrumarmos, por nos adornarmos, como diz Paulo a Timóteo (1 Tm 2.9-10). Mas a beleza passageira não pode estar acima da beleza espiritual. Se você ainda não tem na sua vida diária esse espaço para Deus, eu lhe convido a fazê-lo agora. Vou indicar-lhe alguns passos:

1. Escolha um lugar em que você possa todos os dias falar com Deus. Como fazê-lo?

2. Cante um hino de louvor a Ele;

3. Leia uma porção da Palavra de Deus diariamente; é uma maneira de se autodisciplinar;

4. Faça uma oração, agradecendo as bênçãos recebidas, entregando suas dificuldades e vicissitudes na mão de Deus;

5. Exercite diariamente a paciência e a paz, que só quem passa junto à fonte divina pode adquirir. Assim o que está em Pv 31.30 será uma constante nas nossas vidas. 

Amém!

Não seja manipuladora

Escrito por Judite Alves
Não seja manipuladora

Por estes dias, pensava em que mensagem traria para vocês, mulheres. Foi quando me veio o...

Isolamento social: Deus nos chama p...

Escrito por Judite Alves
Isolamento social: Deus nos chama para o lar

Que dias os nossos! Alguns em pânico, outros alimentando a ansiedade e – que tristeza! –...

Devemos nos apegar a Deus

Escrito por Judite Alves
Devemos nos apegar a Deus

Creio que você deve ter ouvido a respeito de alguém, ou, quem sabe, até sobre você mesmo,...

Habilidades Sociais são cruciais pa...

Escrito por Judite Alves
Habilidades Sociais são cruciais para as relações

Deus, ao criar o homem, declarou que não seria bom que ele vivesse sozinho; e como bom arq...

O Fruto da Boca

Escrito por Judite Alves
O Fruto da Boca

“Do fruto da boca de cada um se fartará o seu ventre; dos renovos dos seus lábios se farta...

Conversa que Vale a Pena

Escrito por Judite Alves
Conversa que Vale a Pena

Hoje liguei para uma velha amiga que há muito tempo não nos víamos, e como é comum, atuali...

Seja uma Agente de Reconciliação

Escrito por Judite Alves
Seja uma Agente de Reconciliação

Vivemos neste mundo com muitas demandas, já que a vida pós-moderna é caracteristicamente a...

 

 

SOBRE


Com o objetivo de ajudar as mulheres cristãs da atualidade, a CPAD prepara um presente especial para elas: o site de conteúdos Mulher Cristã. O novo espaço feminino vem repleto de conteúdos inéditos, sempre com temas voltados para as mulheres cristãs de nossos dias.

©2020 CPAD: Av Brasil 34.401 - Bangu - Rio de Janeiro - CEP: 21852-002 - Brasil - CNPJ 33.608.332/0001-02. Designed by CPAD.