Damares Alves 

Ela é advogada, pastora e política brasileira. Damares Regina Alves nasceu no Paraná, mas ainda criança mudou-se com a família para o nordeste brasileiro, nos estados da Bahia, Alagoas e Sergipe. Depois, residiu no interior de São Paulo. Todas essas mudanças aconteceram porque seu pai foi pastor e fundador de várias igrejas por todo o Brasil. 

Atualmente, Damares é ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, cargo que ela ocupou de 2019 a 2022, no governo do presidente Jair Messias Bolsonaro. A CPAD acaba de lançar o primeiro livro de sua autoria, intitulado de Damares Alves – Tudo começa na infância. O lançamento do livro aconteceu na manhã do dia 20 de abril, durante a reunião de esposas de ministros (Unemad) simultaneamente a reunião de pastores e ministros realizada durante a 45ª Assembleia Geral Ordinária (AGO) em Cuiabá (MT). Em entrevista exclusiva, Damares Alves fala sobre sua infância e faz uma análise do seu livro. Confira!

Irmã Damares, em rápidas palavras, como surgiu a ideia de fazer essa obra?

O livro surgiu da necessidade de fortalecer o cuidado da infância. É um chamamento da igreja com este cuidado, inclusive, eu trago algumas referências das quais as crianças têm sido vítimas no Brasil. Também apresento algumas ideias práticas para as igrejas adotarem e conto alguns episódios da minha infância, luta e desafios.

No livro, a senhora cita que os bebês são vítimas de abusos sexuais e que nós, como cristãos, precisamos nos posicionar. Explique como a igreja pode ajudar. 

São inúmeras ocorrências de abuso em recém-nascidos com apenas 5 a 10 dias. Esses dados estão registrados oficialmente tanto no Disque 100 quanto nas delegacias e conselhos tutelares. Esse abuso também alimenta a indústria pornográfica, por exemplo, alguns pais são assediados para abusar dos bebezinhos, produzirem imagem e ganharem por isso. E como a igreja pode ajudar? Falando nos cultos e colocando cartazes do Disque 100 ou de outro serviço de recebimento de denúncia e que as pessoas terão o sigilo e o anonimato garantidos. Também pode levar para suas conferências um conselheiro tutelar ou um promotor da infância para falar abertamente sobre o assunto. Resumindo, a igreja precisa ter o olhar ampliado, orientar as famílias, ensinar as crianças a pedirem ajuda ao se sentirem atraídas por esses abusadores e manter uma relação com as autoridades que fazem parte da rede da proteção da infância. Tudo isso são iniciativas que a igreja pode colaborar. 

livro damares O que o leitor pode esperar com esse livro?

Primeiro, conhecer um pouco mais da pastora e ex-ministra Damares. Segundo, entender o porquê eu tenho dito que o Brasil precisa fazer um grande pacto pela infância, e também conhecer meu testemunho de fé que pode ser edificante. 

Qual é o objetivo deste livro?

Mostrar as coisas boas que já tem sido feita nas igrejas, conheço muitos pastores, tios e tias do Ministério Infantil que estão fazendo projetos lindos com as crianças. Mas o nosso objetivo é chamar a igreja para ampliar esse trabalho. Ela pode ir além. E temos um capítulo no livro que eu trato sobre isso, inclusive é um dos meus preferidos, o de número 8, A Diversidade e a Pluralidade Brasileira: a Igreja diante de outras frentes e a necessidade de ir além. 

Resumidamente, conte para nós como foi a infância da Damares Regina Alves?

Nasci em lar evangélico e fui uma menina muito amada pelos meus pais. Tive minha experiência de fé muito cedo, inclusive, eu relato neste livro sobre a minha comunhão com Jesus na infância. (E destaco também que as crianças podem ter experiências extraordinárias com Jesus e nós, adultos, não podemos e nem temos o direito de impedir que elas tenham essa experiência). Porém, houve um momento na minha infância que eu fui alvo de uma das mais terríveis violências que é o abuso sexual. Aos 6 anos, fui abusada e isso mudou o rumo da minha história. Sofri muito por conta do abuso, isso está bem relatado no livro, a ponto de aos 10 anos, eu queria morrer pois, eu tinha muitas dores na alma, era uma criança angustiada. Eu me sentia suja, imunda e pecadora, porque eram essas palavras que o agressor me dizia e eu achava que não poderia ir para o Céu, que eu não seria mais recebida por Jesus. O abuso feriu não só o meu corpo, mas também tirou de mim o sonho comum de todas as meninas cristãs de estarem um dia no Céu com Jesus. Aos 10 anos, movida de muita tristeza e sofrimento eu tentei suicídio e é neste momento que eu tenho uma experiência extraordinária com Jesus e após, eu volto a ser uma menina alegre, feliz e retorno a participar das atividades da igreja. 

E atualmente, quem é a irmã Damares?

Uma mulher de 58 anos de idade, mãe de uma menina indígena e que se dispôs a uma missão de cuidar das crianças no Brasil e de trabalhar muito para que seja de fato construído nesta nação uma grande aliança, um grande pacto pela infância. Sou também uma militante das causas de valores: a luta pela liberdade, as garantias constitucionais, os direitos que não podem ser violados e uma militante ativista no enfrentamento da não legalização do aborto e das drogas, do fortalecimento de famílias e todas as causas que diz respeito aos nossos valores. Estou envolvida em todas elas e por um momento estive no Poder Legislativo defendendo essas pautas/bandeiras e depois fui enviada para o Poder Executivo. E lá no Poder Executivo, como gestora de uma pasta complexa, Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos não hesitei em manter hasteadas as nossas bandeiras, não hesitei em defender as nossas pautas e não hesitei em fazer o que eu podia de melhor para a proteção do idoso, da mulher e da pessoa portadora de deficiência e dos mais vulneráveis. 

Quais são as expectativas para esse lançamento?

Que o livro também chegue a todos e não fique apenas dentro da igreja. O livro pode ser lido por qualquer pessoa, no objetivo que todos se sintam desafiados a fazer mais pela criança, ampliar o olhar para ler os sinais que as crianças mandam quando estão no processo de sofrimento. 

Quer acrescentar algo a essa entrevista?

Sim. Há um capítulo no livro que eu falo sobre Aborto (capítulo 9), sobre a nossa luta pela não legalização e descriminalização do aborto no Brasil, mas eu trago a abordagem de uma forma diferente. Primeiro, falando para aquelas mulheres que passaram pelo aborto, seja antes de ser convertida ou mesmo convertida, levada pelo desespero, pela falta de informação, eu falo com essas mulheres de que elas podem ser perdoadas e as desafio a fazerem parte desse exército em defesa da vida. Neste capítulo eu trago dados e informações importantes que todo crente precisa ter na hora de defender a sua posição contra o aborto. Deixo muito claro que aborto é assassinar uma criança enquanto ela dorme no ventre materno, é uma covardia e desumano. Aborto não é interrupção de uma gravidez, aborto é assassinato e deixo bem claro isso no livro e trago dados e informações muito precisas.

Clique aqui para adquirir o Livro em nossa Loja Virtual ou visite uma de nossas Lojas CPAD espalhadas por todo o Brasil. 
Já está disponível a versão E-book. Clique aqui para conhecer mais. 

Por Luciene Saviolli

Damares Alves 

Escrito por Mulher Cristã
Damares Alves 

Ela é advogada, pastora e política brasileira. Damares Regina Alves nasceu no Paraná, mas...

30 Maneiras de uma Esposa Abençoar...

Escrito por Mulher Cristã
30 Maneiras de uma Esposa Abençoar seu Marido e 30 Maneiras de um Marido Abençoar sua Esposa

Se tem um lugar, onde somos mais tentados a amaldiçoar e a criticar é dentro da nossa próp...

Ama teu Corpo

Escrito por Mulher Cristã
Ama teu Corpo

Vivemos dentro de uma sociedade moderna onde vemos que o corpo está sendo desmoralizado po...

Projeto oferece atendimento psicoló...

Escrito por Mulher Cristã
Projeto oferece atendimento psicológico e espiritual às mulheres de comunidade carente

Ajudar ao próximo a ponto de se aproximar da dor do outro, não é uma tarefa fácil para nin...

Mulheres Marcantes da Bíblia

Escrito por Mulher Cristã
Mulheres Marcantes da Bíblia

Na Bíblia encontramos diversas histórias de mulheres que marcaram não só a sua época, mas...

Como emagrecer com saúde?

Escrito por Mulher Cristã
Como emagrecer com saúde?

O sobrepeso e a obesidade vêm aumentando a cada dia. Dados da Organização Mundial de Saúde...

Pandemia e as mudanças na profissão

Escrito por Mulher Cristã
 Pandemia e as mudanças na profissão

Acordar antes de o Sol nascer, preparar-se para o novo dia, pegar o seu meio de transporte...

 

 

SOBRE


Com o objetivo de ajudar as mulheres cristãs da atualidade, a CPAD prepara um presente especial para elas: o site de conteúdos Mulher Cristã. O novo espaço feminino vem repleto de conteúdos inéditos, sempre com temas voltados para as mulheres cristãs de nossos dias.

©2022 CPAD: Av Brasil 34.401 - Bangu - Rio de Janeiro - CEP: 21852-002 - Brasil - CNPJ 33.608.332/0001-02. Designed by CPAD.